Hora do chá

por | 22 dezembro 2015 | 2 Comentários

Enfermeira obstétrica e Psicóloga. Madura, vivendo o feminino pleno, o tempo do carvalho. Com netos que provocam o impulso de amadurecimento e atualização continua. Amo os livros. Amo as cores. Amo as artes. Adoro viajar. Aprender e ensinar é minha paixão. Sou profundamente inspirada no universo das boas conversas.

simplici tea, sinceri tea,...

Hora do chá!

Gostas? Qual é a melhor hora prum chá? Pra mim? a qualquer hora…o que vai variar é o sabor e a temperatura. Mesmo no verão? claro! geladinho e com limão. E no inverno? de preferência saborisado e perfumado com alguma especiaria: canela, cravo, anis estrelado… Hummm,rs

Em solitário o momento do chá é um momento de interiorização. Enquanto sinto o aroma e o degusto tudo se alinha na mente e no interior. Medito. Não é bebida pra se tomar de um gole só, como sabes. O aroma, a cor, o sabor da mistura de ervas desencadeiam possibilidades de ir longe. Muito longe. E sair das saliências e solavancos do caminho cotidiano. O contato com a fluidez do elemento água, dando goles, intencionalmente, deixando-os lavar-me por dentro,traz verdadeiramente limpeza, clareza, diluição do que está denso e concentrado.

E acompanhada? Delícia. Porque aí se agrega um outro elemento à viagem. O compartilhar. Vivi inúmeros momentos este ano. Tudo vira assunto. Surgem boas risadas e em momentos, possivelmente, cinzas  se desvelam cores, alternativas no pensar e um leque de possibilidades para a ação.

Viste a foto que escolhi pra ilustrar esta pequena reflexão. Uma imagem com muita criatividade-criativi-tea!rs. É com encantamento que me defronto com o espírito humano leve, livre e criativo. E sendo fluido com cari-tea, generosi-tea, interativi-tea, ameni-tea, reali-tea, amorosi-tea …

Então de todas estas xícaras te sirvo e sorvo chá. Infinitas gotas de cura, amor e transformação. E a felici-tea é real! No instante pleno.

Saúde!