Pó de ouro no ar!

por | 3 setembro 2015 | 4 Comentários

Enfermeira obstétrica, Psicóloga e YouTuber. Madura, vivendo o feminino pleno, o tempo do carvalho. Com netos que provocam o impulso de amadurecimento e atualização continua. Amo os livros. Amo as cores. Amo as artes. Adoro viajar. Aprender e ensinar é minha paixão. Sou profundamente inspirada no universo das boas conversas.

carpe diem há pó de ouro no ar

 

Reli estes dias que “há pó de ouro no ar”. Já estava convencida mas fortaleci meu convencimento.

E…me perguntei: só de ouro? Não! Há pó de prata, de pedras preciosas, de estrelas… Em outra linguagem: há o maná que vem dos céus. E é pra ti e pra mim também! Pra todos nós.

Conversando contigo e me focando na primeira expressão, me permito entender que:

No novo amanhecer com todas as suas promessas e possibilidades… há pó de ouro no ar;

Nas surpresas que o dia reserva… há pó de ouro no ar;

Nos desafios de cada etapa… há pó de ouro no ar;

Nos verdadeiros encontros… há pó de ouro no ar;

Na leitura, na música, no teatro, na dança, na pintura… há pó de ouro no ar;

No sorriso da criança e no da pessoa amada… há pó de ouro no ar;

No prazer de aprender… há pó de ouro no ar;

Nas boas conversas… há pó de ouro no ar;

No encantamento de contemplar o nascer ou o por do sol… há pó de ouro no ar;

No respeito pela jornada de cada um…há pó de ouro no ar;

Na condição de filhos de Deus e herdeiros dos céus cai sobre nós profusa e naturalmente o pó de ouro que há no ar.

…..essa lista pode ser interminável e com a característica de cada UM. Que itens tu acrescentarias? Como entendes a expressão?

Quando  li  “há pó de ouro no ar” a afirmação estava difundida por um homem que acreditava na colheita farta em relação ao seu trabalho de vendedor. Um vendedor de sucesso. Ele não dá uma explicação para o sentido da expressão. Eu quero entender que se refere a um suave derramar da graça divina, trazendo pra vida de cada um todas as bençãos do universo. E que com elas, na imagem do ouro como algo valioso, os caminhos da vida se tornam abertos e abençoados.

Pra ti qual poderia ser o significado?

Um amigo se permitiu imaginar e “entendeu como se fosse prana, como se fosse oxigênio divino, disponível pra todos, pra quem quiser pegar e construir e viver o que quiser. Como se o momento fosse precioso e isso cintilaria de forma dourada. Como um Carnaval de Deus sem hora nem dia nem mês nem ano nem década pra acabar. Isso seria minha tradução do que entendo, talvez limitadamente, por pó de ouro… ”

A cada passo  renovo em mim a decisão de acolher e assimilar esta verdade. Essa decisão está na tua, na minha e na mão de cada pessoa. E ela é possível na medida em que se aproveita o dia – carpe diem – com tudo o que a vida provê.

Precisei há um bom tempo atrás apurar o olhar, compreender que cada momento é perfeito como é e recheado de presentes embutidos. Pra recebê-los foi fundamental ajustar a maneira de receber os acontecimentos e mudar a postura frente a vida. Entendendo que tudo, o que me agrada e o que não me agrada, conspira mesmo pro meu maior bem e o bem de cada um.

Permitir-se assimilar o fato de que se merece viver em prosperidade e abundância, com pó de preciosidades no ar, é um achado e muda a vida.

Carpe Diem! Aproveita o dia!!! Há “pó de ouro no ar”!!!